RÁ! 27 DIAS PRO DESENCALHE!!! HAUHAUUA - PARTE 1

Então né... eu precisava contar um pouquinho a minha saga de Bridezilla...
Semana passada lá fui eu, a dona da verdade, que sempre dizia que NUNCA ia se casar, totalmente CONTRA as convenções impostas pela sociedade e bla bla bla marcar a data do casamento no civil. Tá, muita gente torce o nariz e vai cafona de calça jeans casar no civil, porque 'o importante e glamouroso é casar na igreja' o.O
BUT (e tem vários but's nessa história) como eu já venho de 2 relacionamentos que não deram certo, sempre fui cabeção e fiz tudo pelas vias tortas, apesar de DETESTAR essas coisas tradicionais, eu CEDI. Resolvi fazer a coisa como manda mais ou menos o figurino...
Mas PELAMORDEDEUS nada de casamento na igreja, isso é demais pra minha pobre cabeçona...
Well, VOCÊS TEM NOÇÃO DO TRABALHO QUE É CASAR??? Por isso que todo mundo só se junta... aff
Minha saga começou no dia 30 de janeiro quando o amore me mandou um email com a reserva da passagem comprada aqui pro Brasil. O amore em questão é italiano, vive lá e eu cá mas isso é uma outra história . E desse dia em diante está sendo um caos... porque fazemos tudo separado... ela cuida da parte dele lá e eu cuido ou tento cuidar da minha parte cá... Preciso dizer a correria que está sendo desde então? Não, né... Planejar tudo em 4 meses??? Coisa de doido...
Primeira coisa que foi decidida em comum: NADA DE IGREJA eeeeeeeeeeeeeeeh  lol
Segundo ponto: EU queria uma coisa simples somente para os amigos, no máximo umas 20 pessoas...  Porque eu sou muuuuuuuito, mas muuuuuuito tímida... Não ia conseguir nunca enfrentar um monte de gente me olhando... Aí já começou a complicar...
Terceiro ponto a decidir: ONDE... casar na Toscana que é um sonho e enfrentar a italianada que adoooooora uma festa (como disse o amore, 'Casamento, amor? No minimo umas 80 pessoas... 20 pessoas lá é almoço de família' o.O) mas não ter meu filho no dia do meu casamento (essa é uma ouuuuutra historia hauhauhau) pois ele não pode sair do país ou AQUI, com meu filho e poucas pessoas, mas sem os pais  (que não viajam de avião), o resto da família e os 200.000 amigos do amore... Fiquei pensando na mãezinha dele, felizinha casando o primeiro filho... e ao mesmo tempo tristinha por não poder participar desse momento tão importante pra ela... *nó na garganta*
Só pra decidir o local levamos algumas semanas... consulta familia daqui, consulta familia de lá... amigos que querem e não podem...
Well, ao final, juntamos o util ao agradável... ou pelo menos tentamos... resolvemos fazer aqui, com a presença do meu bebê (tá, ele já tem 14 anos e é maior que eu...) e convidamos 4 pessoas da familia do amore pra passarem uns dias aqui no Brasil com a gente durante a semana do casamento... Já matamos 2 coelhos com um pau só huahuahuahuaha
Decidido o local, fomos à caça dos documentos... ¬¬ Oh, Lord... NUNCA CASEM COM UM ESTRANGEIRO!!! O cartório pede até o número da cueca pra poder marcar a data... aff
O episódio 'documentos' merece um post a parte... hauhauhua
...TO BE CONTINUED....

1 recadinhos fofos! Comente aqui!:

Hestia disse...

:)
20 pessoas lá é almoço de família' o.O

aqui já é muita gente! hahahaha

fiquei curiosa por outro post em

beijos e boa sorte

Postar um comentário

"Todo meu patrimônio são meus amigos" (Emily Dickinson)
Deixe seu recadinho pra mim...


up